Thursday, September 10, 2009

Pedido

“E ninguém é eu, e ninguém é você. Esta é a solidão.”
(Clarice Lispector)

Venha me ver. Venha livrar-me da sina de perder-me no mundo e não gostar nada: disso.

Julio Almada do Livro Caderno de Ontem

No comments:

Poemas Reclamados

Loading...