Tuesday, June 02, 2009
















O silêncio quis revelar seus segredos e, o fez, em 7 horas de um dia.Confessou sua face nas relações – ponte ou abismo, amor ou desamor, fim da palavra ou a palavra enfim.O Livro foi escrito em um só dia: 02/12/2005

-------------------------------

“Há silêncios bem-vindos,
outros indecifráveis,
alguns polidos e esperados,
Há os indesejáveis.
Há silêncios de hora inteira,
outros de uma vida a devorá-la.
Há os de esperar-lhe.
Há os de desprezar-lhe.
E se tanto silêncio há...
Há o de silenciar-me...
Para escutar o que seu silêncio diz,
além das palavras silenciadas.”

Julio Almada

-------------------

2 comments:

Ademar Oliveira de Lima said...

Estive por aqui aprendendo um pouco com voce!!! Abraços Ademar!!!

Meméia said...

Querido Poeta, o Silêncio me atrai, vezes, me apavora ou alivia, outras tão cruel...rs., mas sempre tão competente no que diz...
Parabéns. Quero adquirir o livro!
Beijos

Poemas Reclamados

Loading...